4 casos de sucesso de publicidade nativa

Entenda como a publicidade nativa melhora o posicionamento de marca
Entenda como a publicidade nativa melhora o posicionamento de marca
27 de outubro de 2016
Como fazer a distribuição de conteúdo online na publicidade nativa?
31 de outubro de 2016

4 casos de sucesso de publicidade nativa

Quem trabalha na área de publicidade sabe: as coisas mudam a cada segundo e estar antenado ao que acontece mundo afora é pré-requisito para todos aqueles que desejam se manter na profissão e engrenar boas campanhas. Por isso, seja você criativo, planner ou mídia, estar por dentro dos melhores casos de sucesso é sempre uma excelente forma de se atualizar, evitar o famoso mais do mesmo e reinventar anúncios, formatos ou até mesmo meios.

No caso da publicidade nativa, em especial, o que não faltam são cases para lá de inspiradores! Além de criativos, tais casos de sucesso mostram como entregar conteúdo patrocinado sem importunar a audiência realmente é uma tendência que veio para ficar.

Mas, calma! O que é publicidade nativa?

Contudo, antes de partirmos para a prática e mostrarmos exemplos reais, é preciso explicar: afinal, o que é publicidade nativa? Se você nunca ouviu falar, mantenha a calma e não se desespere. Embora campanhas desse tipo aconteçam a todo o instante, o termo ainda não é dos mais conhecidos. E é justamente por isso que resolvemos facilitar a sua vida e dar aquela forcinha na hora de fixar esse conceito!

A publicidade nativa nada mais é do que um formato de anúncio que se mistura ao formato esperado para determinada plataforma. É o que acontece, por exemplo, quando determinada blogueira posta sobre um produto em seu Instagram. Embora a postagem seja identificada como publicidade (o famoso “publipost”), o seu conteúdo obedece ao layout da rede social, não afeta negativamente a experiência do usuário e, por isso, é uma excelente arma contra os temidos ad blocks.

Só para você ter uma ideia da eficácia dessa técnica, mais de 40% das marcas já fazem uso frequente da publicidade nativa e 90% dos publicitários já usam ou planejam usar esse tipo de técnica em seus planos de mídia. E pasme: apesar do grande volume de anúncios, quase metade dos consumidores não é capaz de identificar quando a publicidade nativa acontece, o que demonstra que o formato não os importuna.

Casos de sucesso: hora de se inspirar!

Agora que você já conhece as vantagens da publicidade nativa, é hora de se inspirar! Confira a seguir 4 casos de sucesso e entenda na prática as vantagens e infinitas possibilidades da publicidade nativa!

1. Adidas e Kéfera Buchmann

É provável que você já tenha ouvido falar na Kéfera Buchmann, certo? A brasileira comanda o canal 5inco Minutos e já conta com quase 10 milhões de inscritos. O seu sucesso como digital influencer é inegável: uma olhada rápida nos comentários do seu Instagram é mais do que suficiente para comprovar que absolutamente tudo que a youtuber usa e veste vira sucesso.

A Adidas, que há algum tempo já percebeu o potencial da garota, aproveitou os jogos olímpicos para lançar uma série de três vídeos patrocinados. Nele, Kéfera aparece praticando esporte com atletas profissionais e usa diversos produtos da marca. Apesar disso, quase não há menção direta à Adidas, o que garante que o público seja influenciado sem ser, contudo, importunado. Prova disso é a visibilidade alcançada: já são mais de 3 milhões de visualizações e 300 mil likes.

2. Dakota e #YOLO Marrakech

A Dakota também aparece entre os casos de sucesso! A marca de sapatos apostou em blogueiras e digital influencers e explorou muito bem o potencial das mídias sociais, sobretudo do Snapchat, em uma websérie chamada “#YOLO Marrakech”.

Para dar visibilidade à ação, a empresa contou com a participação de nomes como:

  • Bianca Andrade, blogueira e youtuber com mais de 3 milhões de seguidores no Instagram e 3 milhões de inscritos no YouTube;
  • Thaynara OG, digital influencer com mais de 1 milhão de seguidores no Instagram e um dos nomes mais famosos do Snapchat;
  • Patrícia dos Reis, youtuber com quase 2 milhões de inscritos no canal do YouTube e 1,6 milhão de seguidores no Instagram;
  • Bruna Louise, youtuber e blogueira com quase 1 milhão de inscritos no YouTube e 1 milhão de seguidores no Instagram.

Durante a viagem, as convidadas publicaram em suas redes sociais diversos conteúdos em que apareciam usando as peças da Dakota e mostrando aos seus fãs a experiência que a marca proporcionou. Só o primeiro episódio da websérie teve quase 600 mil visualizações. Isso sem contar, é claro, com o somatório do alcance proporcionado pelas postagens no Instagram e pelos inúmeros vídeos no Snapchat.

3. Netflix e BuzzFeed:

O BuzzFeed é uma verdadeira máquina de virais. Boa parte das listas publicadas pelo site são vistas por centenas de milhares de pessoas e geram muito, mas muito engajamento. Pessoas marcam conhecidos nos comentários da publicação, compartilham as listas em seus perfis pessoais e curtem o teor publicado.

A Netflix, que sempre dá um show quando o assunto é criatividade, aposta no potencial do site para divulgar listas com motivos para assistir suas séries ou gostar dos seus personagens, um claro uso da publicidade nativa.

Pouco antes da estreia do seriado Luke Cage, por exemplo, o site divulgou uma lista com 15 motivos para o leitor assistir à série.

4. Narcos e jornais

Mais um caso de sucesso da Netflix! Para anunciar o lançamento da nova temporada de Narcos, a marca usou grandes jornais e revistas brasileiras e apostou em notícias sobre o tráfico de drogas. A ação teve uma repercussão incrível e conquistou a todos pela sua ousadia, pertinência e criatividade!

As reportagens foram tão fidedignas que, no Jornal Folha de São Paulo, as matérias foram readaptadas a partir de colunas publicadas na década de 90. Ou seja: mais do que um anúncio, o público pôde ter uma verdadeira experiência e se aproximar da realidade retratada pela série. Incrível, não?

Viu só quantas possibilidades para inovar no uso da publicidade nativa? Seja no Instagram, no YouTube, no Snapchat ou em mídias impressas, cada um desses casos de sucesso nos mostram que o que não faltam são formas criativas de divulgar uma causa ou marca sem importunar o leitor!

Por isso, se você se interessou por essa verdadeira da tendência e deseja saber mais sobre o assunto, não deixe de conferir o nosso Guia Completo Sobre Publicidade Nativa! O e-book certamente ajudará você a desenvolver estratégias de mídia muito mais eficientes e impactantes!

Victor Freitas
Marketing e Growth da YContent.com.br